Foto: Floriano Lima
Ueap assina acordo de cooperação técnica no Arquipélago do Bailique
Universidade segue sua aproximação com produtores de comunidades tradicionais do Estado.

No dia 02 de fevereiro de 2019, a reitora da Universidade do Estado do Amapá (UEAP), Kátia Paulino dos Santos, deslocou-se até o Arquipélago do Bailique para assinar o termo de cooperação técnica com a AMAZONBAI (Cooperativa dos Produtores Agroextrativistas do Bailique), ACTB (Associação das Comunidades Tradicionais do Bailique) e OELA (Oficina Escola de Lutheria da Amazônia), localizada a aproximadamente 180 km da capital do Estado (Macapá).

Pelo termo, a UEAP se compromete a cumprir um cronograma de atividades que incluem três projetos de extensão e aulas práticas para acadêmicos da universidade. “Este termo aproxima a Universidade das comunidades tradicionais amazônicas, que é nossa identidade, e a Universidade cumprirá o cronograma de execuções junto à comunidade, por meio do ensino, da pesquisa e da extensão que é o tripé Universitário”, ressaltou a reitora da UEAP.

No Termo de Cooperação entre UEAP, ACTB, OELA e AMAZONBAI ficou estabelecido uma duração de 4 anos, período em que docentes e técnicos da UEAP poderão desenvolver atividades de ensino, pesquisa e extensão junto às comunidade do arquipélago do Bailique. Esse estreitamento de laços entre o conhecimento científico e o saber tradicional foi comemorado em uma cerimônia no 14° Encontrão do protocolo comunitário do BAILIQUE, ocorrido na comunidade do Buritizal. Cabe ressaltar que a presença da reitora, vice-reitora e pró-reitora de extensão, marca um momento histórico para a integração da Universidade com as populações tradicionais amazônicas.

“Há muito tempo a gente buscava essa aproximação com a Universidade e tudo era muito difícil, então pra gente é muito importante a presença da reitora em nossa comunidade”, afirmou Jeova Alves, presidente da Associação das Comunidades Tradicionais do Bailique (ACTB).

“O dia 2 de fevereiro de 2019 foi marcado por grandes e importantes momentos para as comunidades do BAILIQUE, comunidades do protocolo comunitário. Esse acordo possibilitará a presença constante da universidade estadual dentro das comunidades do protocolo. No ano de 2019 as atividades propostas nesse acordo já começaram exatamente no dia de hoje”, ressaltou Rubens Gomes, presidente da AMAZONBAI e representante da OELA.

Publicado em: Segunda-feira, 18 de Fevereiro de 2019 por Assessoria de Comunicação - ASCOM
Campus I
Av. Presidente Vargas, nº 650
Centro | CEP: 68.900-070
Macapá - AP
Campus Graziela
Av. Duque de Caxias, 60
Centro| CEP: 68900-071
Macapá - AP
Setor Administrativo
Av. 13 de Setembro, 1720
Buritizal | CEP: 68902-865
Macapá - AP
Campus Território dos Lagos
Av. Desidério Antônio Coelho, 470
Sete Mangueiras | CEP: 68950-000
Amapá - AP
NTE - Núcleo Tecnológico
Av.: 13 de Setembro, 2081
Buritizal | CEP 68902-865
Macapá - AP
Copyright © 2019. Portal Universidade do Estado do Amapá.
(96) 2101-0506
ueap@ueap.edu.br